**

**

Outros Blogs do meu grupo:

*

*

quinta-feira, 22 de março de 2012

Dia cinzento

Amanheceu!
Vejo a casa escura,
dou passos,
vou à janela,
olho para o rio,
tudo escuro,
dia cinzento!

Sinto
meu corpo frio,
fraco,
sem força interior!

Estará minha alma,
da cor do dia?

Sinto-me triste,
cinzento
como o dia!

Ando pela casa,
recordo o passado;
filhos brincando,
movimento.

Olho para o hoje,
que vejo:
um homem amado
 por poucos amigos,
e pouco mais…

José Manuel Brazão

* Quem não tem dias cinzentos, dias assim?

Sem comentários:

Enviar um comentário

Muito obrigado pela sua visita. Deixe o seu comentário por favor.