**

**

Outros Blogs do meu grupo:

*

*

terça-feira, 24 de julho de 2012

Porquê?



Sim, porquê?
porque
me entristeces,
desprezas,
abandonas!

Eu vivo por ti,
para ti
e não dás a mão,
quando apenas
peço compaixão!

Buscas
na minha força,
o desequilíbrio,
o engano,
o desânimo,
a desistência!

Puro engano!

Tenho força interior
bastante,
para agarrar a esperança,
viver dias de Sol,
libertar-me da escuridão
que me ofereces!

Desejo
que eu e tu (vida),
sejamos Amigos
para todo o sempre,
jamais te perderei!

José Manuel Brazão

Sem comentários:

Enviar um comentário

Muito obrigado pela sua visita. Deixe o seu comentário por favor.