**

**

Outros Blogs do meu grupo:

*

*

quarta-feira, 15 de agosto de 2012

Quando amanheceu...




Era noite dentro de mim
Um imenso vazio,um nada,uma solidão sem fim
Era noite dentro de mim
Noite sem estrela,sem lua
Eu vivia em uma escuridão profunda
Foi então que vi a tua luz
Luz que iluminou meu mundo
És o sol que faltava para iluminar minha vida
Não vivo mais na escuridão
O vazio que havia em mim foi inundado de amor
A solidão que me fazia chorar
Foi por ti transformada em pura paixão
Nos teus braços me encontrei
Revivi
Renasci
Tudo iluminou
O meu dia raiou
A eterna e solitária noite teve um fim
Amanheceu dentro de mim!

Nanda Costa

[....]

Viste a minha imagem,
que te pareceu;
a luz da tua vida!


O teu Sol raiou
e saíste da noite
de solidão sem fim!


Dias
e mais dias viriam,
sem entenderes,
que eu não era o Sol,
a luz, a esperança,
mas um homem,
apenas um homem
nesta Vida,
que valorizou a Mulher
generosa
carente de compreensão,
harmonia e amor!


Tudo isso te dei
e foste a Mulher
que muito amei
para conquistares
a vida sonhada!


Tudo me deste
em gratidão,
paixão e amor,
numa entrega
dum completar o outro!
..................
..................


Passou tempo ...


... e hoje existe
o amanhecer de cada dia,
dentro de ti e de mim!


Seguiremos sempre juntos,
com uma amizade de coração,
mas com destinos diferentes,
sempre com fé e esperança
que dias melhores virão
e que nos reencontraremos
num amor para além da Vida!


José Manuel Brazão



Sem comentários:

Enviar um comentário

Muito obrigado pela sua visita. Deixe o seu comentário por favor.