**

**

Outros Blogs do meu grupo:

*

*

terça-feira, 20 de dezembro de 2011

Palavras ao vento...

Palavras ao vento......

 Quantas palavras foram ditas
muitas frases de amor foram escritas

inúmeros anseios em uma simples folha de papel
belas palavras, que me levaram por muitas vezes a visitar o céu

um poeta e uma poetisa
deixando registrado no tempo, todo amor
toda saudade, toda dor.

Poemas...
poesias...
pensamentos...
sentimentos...

Lindas palavras...
jogadas...

atiradas ao vento....

Nanda Costa

[....]

Nesta vida poética
palavras escrevi
pensando em ti
vestindo-as com paixão
saídas do coração com amor,
com muito amor
e hoje sofres a dor
de guardares no teu peito,
que pulsa de arrependimento,
num confuso sentimento
de amor escondido,
mas que desejas gritar  ao Mundo,
que foi o teu amor real,
vivido, sentido,
e será sempre um amor,
um amor inacabado em Poesia,
nas palavras,
mas será consumado
por ti nos gestos
e atitudes para comigo!

Palavras ao vento,
que esse vento amigo
fez chegar a ti!

José Manuel Brazão


1 comentário:

  1. Olá, amigo poeta! Tem um presente de Natal para você no Távola de Estrelas!Desejamos a você votos dum
    Natal muito Feliz e de um Ano Novo Maravilhoso!

    abraços,

    JouElam & Dani

    Távola de Estrelas: http://jorgemanueledanieledallavecchia.blogspot.com/2011/12/um-selinho-pra-voce.html

    ResponderEliminar

Muito obrigado pela sua visita. Deixe o seu comentário por favor.