**

**

Outros Blogs do meu grupo:

*

*

quarta-feira, 6 de março de 2013

Se o amor vier de longe


Na força deste amor
não se conhecem distâncias
e se as houver
existem asas do amor
para unir corpos e almas
num encontro
de amor e paixão
num elo de verdadeiro sentir,
no calor do olhar
além de toda a distância!

José Manuel Brazão

E se houver amor, mesmo que distante, ame por inteiro!

1 comentário:

  1. Poeta, muitas vezes leio em silêncio e me emociono com sua poesia!
    Hoje me rendi ao ler esta que tocou profundamente meu coração! Uma história de muitos de nós, universal! Parabéns pela beleza de sua criação, sempre inspirada pela sensibilidade de sua alma!
    E desta vez levei comigo para minha página do G+, que não sei se tem. Deixei lá minha indicação sincera para conhecer seu blog.
    Muito obrigada!
    Desejo uma vida plena de amor, alegria, amizade, com muita saúde!
    Um abraço de admiração cá do outro lado do mar.
    Helô Spitali

    ResponderEliminar

Muito obrigado pela sua visita. Deixe o seu comentário por favor.