**

**

Outros Blogs do meu grupo:

*

*

sábado, 15 de novembro de 2014

O teu silêncio

Passa o tempo
e o teu silêncio
abraçado à dor,
por um amor
sonhado, desejado
e vivido na sombra
das nossas almas!

Amor
que a Lua sorri
em noites de luar!

Luar
que aumenta a paixão
o desejo, a libertação
de um amor que existe
nas nossas mentes,
que será o nosso destino!

José Manuel Brazão

1 comentário:

  1. Quando o amor é verdadeiro ele resiste ao tempo. Lindo poema. Boa tarde de domingo.

    ResponderEliminar

Muito obrigado pela sua visita. Deixe o seu comentário por favor.