**

**

Outros Blogs do meu grupo:

*

*

sexta-feira, 5 de outubro de 2012

Perdoa-me!


Perdoa
este amor assim!

Um amor
arrebatador,
sem limites,
mas querendo
teu corpo e tua alma!

Um amor
que sinto
sem saber explicar,
mas apenas viver
com ele e para ti!

Um amor
que morrerá comigo,
porque só eu o entendo,
só eu o sinto
e quero sofrer assim…

José Manuel Brazão

Sem comentários:

Enviar um comentário

Muito obrigado pela sua visita. Deixe o seu comentário por favor.