**

**

Outros Blogs do meu grupo:

*

*

domingo, 31 de janeiro de 2016

O amor dos amores...

Amores que entraram
e ficaram em mim
como se fossem eternos!

Vivi cada um
me dando de corpo e alma
esquecendo a vida,
a minha vida,
sonhando
e vivendo esses amores,
como se fossem os únicos,
os mais belos
com entrega,romantismo,
beleza e emoção...

Todos guardados
em mim
neste coração infinito
que não abandona
quem amou e ama
e levará consigo
após o sorriso final,
o amor desses amores!

José Manuel Brazão

2 comentários:

  1. É o que basta. Levar consigo o amor de um amor que já se foi. Isso é maturidade.

    ResponderEliminar
  2. Viveste cada amor de modo único, porque cada ser é de fato único e jamais amaremos igual.
    Se fosses brasileiro, compararia tua poesia a música de Lulu santos: O último romântico...

    ResponderEliminar

Muito obrigado pela sua visita. Deixe o seu comentário por favor.